Bahia
Universitários devem atualizar CadÚnico para segunda etapa do Mais Futuro
Será preciso atualizar cadastro

Crédito: GovBa/Mateus Pereira
O Governo do Estado está preparando a segunda etapa do programa Mais Futuro, prevista para abrir inscrições nos próximos dias. A iniciativa oferece auxílio financeiro para os estudantes das universidades Estadual de Feira de Santana (Uefs), de Santa Cruz (Uesc), do Sudoeste da Bahia (Uesb) e para a Universidade do Estado da Bahia, (Uneb), que estejam em condições de vulnerabilidade socioeconômica, participantes do CadÚnico, além de oportunidades de estágio no setor público.

Os interessados em participar desta segunda etapa devem estar atentos para ter o registro atualizado no cadastro centralizado de programas sociais do governo federal (CadÚnico). Para fazer essa atualização é preciso ir até o setor responsável pelo CadÚnico ou pelo Bolsa Família na cidade em que mora. Caso não saiba onde fica o local de cadastramento, o interessado pode buscar essa orientação no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) mais próximo de sua casa. Em muitas localidades, o próprio Cras realiza o cadastramento das famílias. 

Candidatos ao programa Mais Futuro também não devem possuir vínculo empregatício e não ter concluído qualquer outro curso de nível superior. O incentivo garante a permanência desses estudantes nas salas de aula e a conclusão dos cursos de graduação.

“Essa iniciativa do Governo do Estado é de fundamental importância para assegurar que os estudantes permaneçam no curso sem sofrer descontinuidade. Sabemos o quanto o auxílio financeiro é importante para os jovens continuarem seus estudos na universidade, por isso, estamos atentos às necessidades deste segmento e continuaremos a investir na formação dos nossos jovens”, afirmou o governador Rui Costa.  

O valor da bolsa é de R$ 300 para quem estuda a até 100 quilômetros de onde mora, ou de R$ 600 para os que vivem a uma distância maior, pois para estes há a necessidade moradia temporária na cidade onde estuda. Estando dentro do perfil do programa, o estudante poderá receber o auxílio desde o primeiro semestre até completar dois terços do curso. No terço final da graduação, os beneficiários terão a opção e prioridade para ingressar em vagas de estágio de nível superior ofertadas por órgãos e secretarias do Governo do Estado.

Até o fim de 2018, cerca de R$ 50 milhões serão investidos pelo Governo de Estado no programa. Para o secretário da Educação, Walter Pinheiro, o investimento dialoga com outras políticas do governo do estado. “É um investimento nas pessoas. Nosso objetivo é preparar os estudantes para o futuro. Queremos dar suporte para que eles não abandonem a universidade e também possam evoluir profissionalmente através de estágios e até mesmo contribuir com a outra parte da rede na educação básica, no ensino e na educação profissional”. 

O pagamento das bolsas é feito diretamente ao próprio estudante, por meio de cartão, em conta bancária criada exclusivamente com essa finalidade. Mais de quatro mil jovens foram selecionados na primeira etapa. Entre eles, 3.600 já recebem o auxílio financeiro, chamado auxílio permanência, e os 400 estudantes restantes ganharam a oportunidade de estagiar em órgãos do governo baiano.

Para o secretário da Administração, Edelvino Goes, o programa Mais Futuro “é um case de sucesso nacional em termos da administração pública, pela complementaridade da políticas públicas e pelo papel assumido pelo Estado na formação de mão de obra qualificada para o setor público, por meio do estágio, pois muitos desses jovens prestarão concurso futuramente”.

Será preciso atualizar cadastro

Crédito: GovBa/Mateus Pereira

 
Mais Notícias
   5/12/2017 - Rui pede mobilização do Nordeste contra discriminação do governo federal
   23/11/2017 - Projeto defende inclusão de aviso meteorológico em terminais marítimos
   7/11/2017 - Mais de 600 mil alunos da rede estadual devem renovar a matrícula para 2018
   21/10/2017 - Funai poderá consultar indígenas para nomeação de Coordenadores Regionais
   11/10/2017 - Rui anuncia pagamento de prêmio para cerca de 15 mil policiais
   11/10/2017 - Fiscalização de cronotacógrafos para veículos grandes passa a ser obrigatória
   26/9/2017 - Abertas inscrições para Fórum de Provedores de internet do Estado
   23/9/2017 - Ordem de Serviço da duplicação da Jorge Amado será assinada dia 9
   20/9/2017 - Presidente da UPB diz que municípios terão que cortar gastos e fazer demissões
   18/9/2017 - UFSB e IFBA divulgam seleção para Mestrado em Ciências e Tecnologias Ambientais
   13/9/2017 - 173 municípios em situação de emergência por conta da seca
   11/9/2017 - Inscrições do Partiu Estágio se encerram no próximo domingo
   11/9/2017 - Municípios podem regularizar dívidas de pequenos produtores com desconto
   5/9/2017 - Economia cresce 1,9 por cento no segundo trimestre
   28/8/2017 - Em missão internacional Rui volta a dialogar com chineses sobre Fiol e Porto Sul
   19/8/2017 - UFSB prepara concurso com 57 vagas de professor efetivo
   11/8/2017 - Corregedoria do TRE-BA realiza correições nas zonas eleitorais
   8/8/2017 - UESC realiza 1º Seminário de Infraestrutura de Transporte Rodoviário da região
   8/8/2017 - Professor da UESC tem artigo inserido em livro sobre ciência e poder legislativo
   5/8/2017 - ´O judiciário do primeiro grau faliu´, diz presidente da OAB



© Jornal Bahia Online | Todos os direitos reservados.   Layout