Ilhéus
Estudo técnico prevê mudanças no trânsito em vias importantes
Objetivo é fazer o trânsito fluir melhor

Crédito: Secom/Rodrigo Macedo

Os acidentes de trânsito são uma das principais causas de morte e invalidez ao redor do mundo, e estima-se que o elemento humano contribua para a ocorrência de mais de 90% deles, grande parte envolvendo o comportamento dos motoristas. Por sua vez, a Superintendência de Trânsito (Sutran), órgão ligado à secretaria municipal de Transporte e Trânsito (Seintra) da Prefeitura de Ilhéus, tem realizado intervenções técnicas nas principais vias da cidade com o objetivo de melhorar a mobilidade urbana local. No último mês, equipes monitoraram os trechos que ligam a Avenida Roberto Santos, na altura da estação rodoviária ao cruzamento da Avenida Canavieiras. Ainda naquele perímetro foi realizada contagem de veículos e pedestres, além de levantamento e cadastro dos imóveis no entorno daquela artéria.

Segundo a Sutran, foram coletadas informações sobre os imóveis residenciais e comerciais, número de ocupantes, informações pessoais, e se os mesmos possuem carro próprio, ou utilizam transporte coletivo ou carona. O levantamento realizado pela superintendência registrou que cerca de 402 imóveis existem na localidade, sendo que 236 são utilizados para o comércio, 113 para residências e 53 para ambas as finalidades. A pesquisa aponta ainda que imóveis 1.646 pessoas ocupam os imóveis, sendo que 1.267 são funcionários do comércio e 379 residentes.

Já a faixa etária destes indivíduos foi dividida por escala métrica. Assim, 102 funcionários e 82 moradores estão no grupo com idades que vão até 0 a 20 anos. O estudo aponta também que 818 trabalhadores e 135 moradores têm idades entre 21 a 40 anos. Com idades entre 41 a 60 anos, 306 funcionários e 92 moradores. Por fim, 41 funcionários e 70 moradores estão acima dos 60 anos.

Quanto ao número de veículos automotores apurados na pesquisa, foi constatado que 649 destes veículos ficam estacionados durante todo o dia naquela localidade, sendo que 549 veículos são de propriedade dos funcionários e 100 veículos pertencem a moradores também daquela localidade. Destes veículos, 341 são carros de passeio e 308 motocicletas.  No quesito utilização de transporte público, dos 1.646 indivíduos identificados, o levantamento diagnosticou que 856 fazem uso do transporte público, sendo 549 funcionários e 307 moradores.

Programa de Mobilidade – A Sutran informa que todos esses dados estão sendo compilados e serão apresentados no final do mês de agosto, junto com o estudo técnico de requalificação do trânsito, do tráfego e da mobilidade na Avenida Itabuna, principal artéria da cidade. Estudos semelhantes são periodicamente realizados pela equipe de Educação e Estatística de Trânsito, que é coordenada pelo agente de trânsito, Albervan Barreto. Este projeto faz parte do Programa Permanente de Mobilidade, Acessibilidade, Educação e Segurança no Trânsito (AMES), que engloba todas as áreas do trânsito, cujo objetivo é nortear as ações a partir das iniciativas para obtenção de um trânsito mais seguro.

Avenida Itabuna – Verificou-se que as medidas de segurança associadas à restrição de direitos e à possibilidade de ser flagrado pelas autoridades são as que mais influenciam os motoristas a não cometerem infrações. A Lei Federal 9.503 de 1997 é o dispositivo que trata dos crimes de trânsito contido no Código de Trânsito Brasileiro. Com base na lei, fica proibida a conversão à esquerda em toda a extensão da Avenida Itabuna. Contudo, a superintendência relata que essa mudança é legal e de caráter administrativo, embora, a medida tenha causado insatisfação por parte de alguns condutores quando afirmam que o órgão estaria aplicando “multas ilegais”. Esta infração de trânsito é punitiva, com multa grave, mais cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e custa R$ 195,23.

O órgão salienta ainda que, para que haja a notificação da infração não necessita de placas de sinalização vertical e que a sinalização proibitiva é através da faixa amarela contínua, conforme determinado no Manual Brasileiro de Sinalização.   


Objetivo é fazer o trânsito fluir melhor

Crédito: Secom/Rodrigo Macedo

 
Mais Notícias
   20/8/2018 - MP exige cumprimento da legislação para eventos em bares e casas noturnas
   20/8/2018 - Iniciada a construção da quadra esportiva na Escola Municipal do Iguape
   20/8/2018 - Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural e Pesqueiro Sustentável terá eleição
   20/8/2018 - Campanha contra o sarampo e poliomielite prossegue até dia 30
   20/8/2018 - Moradores da Vila Cachoeira são atendidos com mutirão da Saúde
   17/8/2018 - Mutirão de Saúde em Vila Cachoeira acontece neste domingo
   17/8/2018 - Órgãos de segurança e turismo planejam ações para o próximo verão
   17/8/2018 - Espetáculo de dança irá arrecadar brinquedos para crianças carentes
   17/8/2018 - Campanha estimula municípios a intensificar vacinação contra pólio e sarampo
   14/8/2018 - Programa De Férias Com o Ex Brasil grava a terceira temporada na cidade
   14/8/2018 - Logística para o Verão 2018-2019 integra vários setores da cidade
   14/8/2018 - PETI recebe medalha de honra pelo trabalho
   14/8/2018 - SDS realiza mutirão itinerante no bairro Nelson Costa
   14/8/2018 - Indicadores da Saúde serão apresentados nesta quinta
   14/8/2018 - Marão discute com a Valec projetos de compensação ambiental pela Fiol
   13/8/2018 - Recuperação da usina viabiliza início do Programa Asfalto Legal
   13/8/2018 - Saúde intensifica vacinação contra polio e sarampo
   13/8/2018 - Programa Despertar esclarece moradores do Banco Central
   13/8/2018 - Assinada ordem de serviço para recuperação da Unidade de Saúde do Nelson Costa
   13/8/2018 - Ilhéus comemora sua Padroeira nesta quarta



© Jornal Bahia Online | Todos os direitos reservados.   Layout