Ilhéus
Maio Amarelo já promoveu duas mil abordagens
Agentes no trabalho de conscientização

Crédito: Secom/Clodoaldo Ribeiro

Com apenas uma semana de intervenção, já é possível contabilizar resultados da quinta edição da Campanha Maio Amarelo 2018, que tem como mote “Nós somos o trânsito”. Nesse período, nos turnos da manhã e da tarde, a Superintendência Municipal de Trânsito de Ilhéus (Sutran) realizou abordagem direta a 1.550 condutores de veículos e mais 450 pedestres. A proposta visa mobilizar a sociedade civil organizada, empresas, entidades de classe, associações, federações e órgãos de governos, para ampliar a conscientização sobre a conduta no trânsito.

A campanha parte de iniciativa coordenada entre o Poder Público e a sociedade civil e coloca em pauta o tema da segurança viária, pela redução do número de acidentes nas vias. As ações do Maio Amarelo contam com o apoio do Detran, das Cias PM 68ª e 70ª, sindicatos, comerciantes, autoescolas e estudantes. No encerramento, haverá um Seminário Municipal, no dia 31, que vai debater trânsito e melhoria da mobilidade urbana em Ilhéus, realidade que terá transformações com a chegada da nova ponte entre o centro da cidade e o bairro Pontal.

Mais ações – De acordo com a coordenação de Educação para Trânsito da Sutran, Albervan Barreto, as ações do Maio Amarelo ocorrem durante todo o mês e até lá serão desenvolvidas palestras, blitzen educativas nas principais vias da cidade, panfletagens, apresentação de legislações específicas que estimulam os condutores de caminhões, ônibus, vans, automóveis, motocicletas, bicicletas, pedestres e passageiros, a optarem por um trânsito mais seguro e convidados a exercerem a função de Agentes Multiplicadores desta ideia.

Segundo dados estatísticos da Organização Mundial da Saúde (OMS), os homens representaram 79,3 por cento das vítimas que perderam a vida. Já em relação às pessoas com deficiência, a campanha serve para educar e conscientizar condutores e usuários das vias públicas, assegurando o direito às vagas especiais conquistadas em lei. O Brasil aparece em quinto lugar entre os países recordistas em mortes no trânsito, atrás da Índia, China, EUA e Rússia. Segundo o Ministério da Saúde, em 2015, foram registrados 37.306 óbitos e 204 mil pessoas ficaram feridas.



Agentes no trabalho de conscientização

Crédito: Secom/Clodoaldo Ribeiro

 
Mais Notícias
   14/8/2018 - Programa De Férias Com o Ex Brasil grava a terceira temporada na cidade
   14/8/2018 - Logística para o Verão 2018-2019 integra vários setores da cidade
   14/8/2018 - PETI recebe medalha de honra pelo trabalho
   14/8/2018 - SDS realiza mutirão itinerante no bairro Nelson Costa
   14/8/2018 - Indicadores da Saúde serão apresentados nesta quinta
   14/8/2018 - Marão discute com a Valec projetos de compensação ambiental pela Fiol
   13/8/2018 - Recuperação da usina viabiliza início do Programa Asfalto Legal
   13/8/2018 - Saúde intensifica vacinação contra polio e sarampo
   13/8/2018 - Programa Despertar esclarece moradores do Banco Central
   13/8/2018 - Assinada ordem de serviço para recuperação da Unidade de Saúde do Nelson Costa
   13/8/2018 - Ilhéus comemora sua Padroeira nesta quarta
   10/8/2018 - Rede de atenção básica da saúde terá participação da Liga do Trauma da Uesc
   10/8/2018 - Vilas Boas participa de Encontro de Integração Ensino e Serviço da Saúde
   10/8/2018 - Vilas Boas participa de Encontro de Integração Ensino e Serviço da Saúde
   10/8/2018 - Defensoras Públicas Federais esclarecem dúvidas sobre direitos previdenciários
   9/8/2018 - Viabilizada capacitação para mototaxistas
   9/8/2018 - Escritores grapiúnas lançam livros durante Semana de Cultura Jorge Amado
   9/8/2018 - Alinhado repasse para o Fundo da Infância e Adolescência
   9/8/2018 - Audiência pública discutiu o Plano Municipal de Educação
   9/8/2018 - Reivindicações do setor de transporte escolar são atendidas



© Jornal Bahia Online | Todos os direitos reservados.   Layout