Bahia
Rui pede mobilização do Nordeste contra discriminação do governo federal
Rui Costa

Crédito: Divulgação/Carlos Gibaja

“É necessário que os estados do Nordeste tenham uma ação conjunta de suas bancadas para enfrentar a discriminação vivida hoje pela região, pois o maior problema do Nordeste não está no âmbito técnico, mas no âmbito político”, afirmou o governador Rui Costa, no fim da manhã desta terça-feira (5), em Fortaleza, durante o encontro 'Diálogo Público: Nordeste 2030 – Desafios e caminhos para o desenvolvimento sustentável', promovido pelo Tribunal de Contas da União (TCU), em parceria com o Banco do Nordeste (BNB).

Segundo Rui, as conclusões do Relatório Sistêmico da Região Nordeste (Fisc Nordeste) apresentado pelo presidente do TCU, ministro Raimundo Carreiro, indicam claramente o tratamento discriminatório recebido pelos estados nordestinos em relação aos estados do Sudeste. Rui citou o exemplo do estado paulista, que tem uma das maiores dívidas do País e obteve o refinanciamento em condições favoráveis junto ao governo federal.

“O alto endividamento de São Paulo está sendo financiado pelo contribuinte brasileiro, inclusive do Nordeste”, lembrou Rui. “Já os estados nordestinos, apesar do baixo endividamento, não conseguem obter empréstimos com o aval do governo federal”, completou.

O relatório Fisc Nordeste aponta que a Previdência é a maior fonte de recursos de 74% dos municípios brasileiros, acima, inclusive, do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), principal fonte de repasse de recurso para os municípios. “A maioria desses municípios está no Nordeste”, afirmou o presidente do TCU, indicando a relevância da aposentadoria para a administração dos municípios nordestinos.

Rui falou durante o painel 'Iniciativas para diminuir as desigualdades de disponibilidade de recursos financeiros inter e intrarregiões e a dependência financeira dos estados e municípios nordestinos', ao lado dos governadores do Maranhão, Ceará, Pernambuco, Rio Grande do Norte, e da vice-governadora do Piauí, além do vice-presidente do TCU, José Múcio Monteiro. O encontro ocorre durante todo o dia, no auditório do Banco do Nordeste, em Fortaleza.


Rui Costa

Crédito: Divulgação/Carlos Gibaja

 
Mais Notícias
   23/11/2017 - Projeto defende inclusão de aviso meteorológico em terminais marítimos
   7/11/2017 - Mais de 600 mil alunos da rede estadual devem renovar a matrícula para 2018
   21/10/2017 - Funai poderá consultar indígenas para nomeação de Coordenadores Regionais
   11/10/2017 - Rui anuncia pagamento de prêmio para cerca de 15 mil policiais
   11/10/2017 - Fiscalização de cronotacógrafos para veículos grandes passa a ser obrigatória
   29/9/2017 - Universitários devem atualizar CadÚnico para segunda etapa do Mais Futuro
   26/9/2017 - Abertas inscrições para Fórum de Provedores de internet do Estado
   23/9/2017 - Ordem de Serviço da duplicação da Jorge Amado será assinada dia 9
   20/9/2017 - Presidente da UPB diz que municípios terão que cortar gastos e fazer demissões
   18/9/2017 - UFSB e IFBA divulgam seleção para Mestrado em Ciências e Tecnologias Ambientais
   13/9/2017 - 173 municípios em situação de emergência por conta da seca
   11/9/2017 - Inscrições do Partiu Estágio se encerram no próximo domingo
   11/9/2017 - Municípios podem regularizar dívidas de pequenos produtores com desconto
   5/9/2017 - Economia cresce 1,9 por cento no segundo trimestre
   28/8/2017 - Em missão internacional Rui volta a dialogar com chineses sobre Fiol e Porto Sul
   19/8/2017 - UFSB prepara concurso com 57 vagas de professor efetivo
   11/8/2017 - Corregedoria do TRE-BA realiza correições nas zonas eleitorais
   8/8/2017 - UESC realiza 1º Seminário de Infraestrutura de Transporte Rodoviário da região
   8/8/2017 - Professor da UESC tem artigo inserido em livro sobre ciência e poder legislativo
   5/8/2017 - ´O judiciário do primeiro grau faliu´, diz presidente da OAB



© Jornal Bahia Online | Todos os direitos reservados.   Layout