Cultura
Ilhéus vai cadastrar artistas, grupos e espaços culturais
Objetivo é mapear os fazedores de cultura e os locais onde se apresentam

Crédito: Secom

A secretaria municipal de Cultura (Secult) inicia, a partir desta quinta-feira, 23, o cadastramento de artistas, grupos e espaços culturais de Ilhéus para inscrever no Cad Cultura. O objetivo é mapear os fazedores de cultura e os locais onde as atividades artísticas acontecem. Podem se cadastrar, através do  www.nossaculturailheus.blogspot.com, no link Cad Cultura, atores, dançarinos, escritores, poetas, cordelistas, indígenas, artistas de circo, produtores culturais, cantores, compositores e os demais agentes culturais.

De acordo com o especialista em Gestão da Cultura, Pawlo Cidade, da Secult, o cadastramento do Cad Cultura se estende até o dia 5 de maio deste ano. O resultado será apresentado na IV Conferência de Cultura, que acontece no segundo semestre de 2017. Mesmo quem já tenha se cadastrado em outro momento deve atualizar os dados.

O cadastramento acontece em duas etapas: a primeira, através de meio digital, e a segunda, in loco, nas comunidades e bairros onde desenvolvem ações ou residem artistas e fazedores de cultura. “O mapeamento vai permitir o cumprimento de algumas metas previstas no Plano Municipal de Cultura, a exemplo de cartografia da diversidade das expressões culturais no território ilheense”, ressaltou.

Pawlo Cidade disse que “o mapeamento artístico e cultural também foi previsto no plano de governo do prefeito Mário Alexandre, através da diretriz estrutural 9, alínea “a”, no horizonte dos 100 dias de gestão. Conhecer o espaço, as ações e os agentes são condições indispensáveis para a criação de plano de ação que contemple a diversidade cultural de Ilhéus. Conhecemos os grupos, as companhias e os artistas que estão sempre nas redes sociais, na mídia, nos eventos, mas não a artesã de Sambaituba, o grupo de teatro da igreja, a turma do curso de violão, de bateria, de maculelê, dentre outros. Queremos cadastrar todos e dar visibilidade às suas ações”, salientou.


Objetivo é mapear os fazedores de cultura e os locais onde se apresentam

Crédito: Secom

 
Mais Notícias
   20/4/2017 - Brena apresenta ´O que me toca´ no TMI
   20/4/2017 - Memória arquitetônica de Ilhéus é resgatada através de obras em papel
   17/4/2017 - Como produzir um show musical é tema de workshop em Ilhéus
   17/4/2017 - Festival Literário democratiza arte e poesia em Ilhéus
   11/4/2017 - Flavia Wenceslau chega a Ilhéus com o show Por Uma Folha
   10/4/2017 - Mostra Flios tem inscrições prorrogadas até dia 17
   10/4/2017 - Governo terá um olhar de contribuição e valorização da cultura, diz secretário
   6/4/2017 - Otambí promove atividades sobre empoderamento do cabelo crespo
   6/4/2017 - Projeto FAEG-Sul Itinerante contempla população de Santa Luzia
   30/3/2017 - Terreiro Matamba Tombenci Neto promove sarau aberto
   25/3/2017 - Bahia Criativa investe na qualificação de produtores culturais
   19/3/2017 - Escritor baiano lança ´Quanto vale a sua alma´, em São Paulo
   17/3/2017 - Teatro Municipal de Ilhéus apresenta espetáculo infantil
   15/3/2017 - Empossada nova diretoria da Academia de Letras de Ilhéus
   15/3/2017 - Exposição sustentável ´Arte Do Lixo´ acontece no TMI
   13/3/2017 - Mostras artísticas e intercâmbio cultural marcam estreia do FAEG-Sul Itinerante
   11/3/2017 - Taxas e impostos cobrados a população são destaques em novo livro da Editus
   7/3/2017 - Definidas intervenções artísticas para abertura do FAEG-Sul Itinerente em Itapé
   7/3/2017 - Concurso Literário Sosígenes Costa tem inscrições prorrogadas
   7/3/2017 - Semana Mãe Ilza Mukalê acontece de 8 a 11 de março



© Jornal Bahia Online | Todos os direitos reservados.   Layout