Economia
Empresa aérea passa a oferecer chocolate de origem em vôos internacionais
Uma viagem ainda mais gostosa

Crédito: Arquivo/Maurício Maron

A Azul Linhas Aéreas Brasileiras conta com Chocolat du Jour na classe Azul Business dos jatos A330 que voam para Estados Unidos e Portugal. O produto – o bombom Krispis, exclusivo chocolate au lait com krispis – é distribuído sempre ao fim das viagens em uma pequena caixa com uma mensagem de agradecimento pela escolha de voar com a companhia.

“Temos, a partir de agora, um produto premium e que casa perfeitamente com a proposta que temos para a nossa Business Class. O mais novo mimo da Azul a seus Clientes também é uma forma de valorizar e tornar a experiência de todos ainda mais inesquecível”, comenta Claudia Fernandes, diretora de Marketing e Comunicação da Azul.

O chocolate a bordo é elaborado com puro chocolate ao leite, com 45% de cacau fino proveniente do baixo Sul da Bahia, recheado com deliciosos floquinhos de arroz.

Sobre a Chocolat du Jour - Tudo começa em 1987. Na época, um sonho e muita curiosidade são levados para uma viagem à Europa em busca do mais precioso e delicado dos segredos: a receita das Truffes du Jour. Feitas em pequenos lotes, com os melhores ingredientes, sob supervisão constante para garantir o raro e exclusivíssimo sabor, as Truffes du Jour foram logo oferecidas ao público em São Paulo e conquistaram clientes muito especiais. Nascia assim a Chocolat du Jour.

A mesma dedicação para a elaboração das trufas se expandiu para a criação de novos e requintados chocolates. A atenção aos detalhes com a seleção de ingredientes nobres até a embalagem perfeita para cada produto continua conquistando e surpreendendo até hoje, os admiradores do chocolate gourmet.

Ao longo dos anos a Chocolat du Jour se especializou em produzir o seu próprio chocolate, a partir do cacau fino brasileiro, cultivado na Área de Proteção Ambiental do Pratigi, no baixo-Sul da Bahia.

Todo o processo de produção da linha Bean to Bar da Chocolat du Jour é sustentável e controlado com extremo rigor, desde o cultivo do cacau à colheita, seleção do cacau fino, fermentação e secagem nas fazendas.

Na nossa fábrica, com a mais apurada técnica, fazemos desde a torra, o descascamento e a moagem das amêndoas de cacau até a conchagem. Os nossos chocolates Bean to Bar são produzidos sempre em pequenos lotes, garantindo assim que estejam frescos até o consumo.

Em 2015 e 2016 foi premiada pela Academy of Chocolate de Londres. Premiada pela International Chocolate Awards em 2016. Eleito 9 vezes o melhor chocolate pela Veja SP. Reconhecida pelo Le Guide de Croqueurs de Chocolat, guia oficial do Salon du Chocolat nas edições de 2015, 2016 e 2017.


Uma viagem ainda mais gostosa

Crédito: Arquivo/Maurício Maron

 
Mais Notícias
   24/3/2017 - Empresários participam de encontro com especialista em materiais de construção
   24/3/2017 - Bahia E-commerce Day está com inscrições abertas em Itabuna
   23/3/2017 - Grandes shows consolidaram verão e incrementaram a divulgação de Ilhéus
   22/3/2017 - Nazal defende mais união para consolidar desenvolvimento regional
   22/3/2017 - Sebrae lança Programa Líder em Ilhéus
   22/3/2017 - Itacaré confirma adesão ao Projeto de Liderança lançado pelo Sebrae
   22/3/2017 - Encontro aponta tendências para o setor de alimentação fora do lar
   20/3/2017 - Café Empresarial debate maior dinamismo na indústria e no comércio de Ilhéus
   16/3/2017 - Vencedores do Desafio Universitário serão conhecidos no próximo domingo
   10/3/2017 - Sebrae Bahia lança ferramenta para pesquisar o melhor local para um negócio
   10/3/2017 - Parque para desenvolvimento do cacau é lançado no Sul da Bahia
   9/3/2017 - Parque Tecnológico e Centro de Inovação do Cacau ganham força na região
   7/3/2017 - Prefeitura estuda implantação de comércio no Condomínio Sol e Mar, em Ilhéus
   7/3/2017 - Parque Científico e Tecnológico do Sul da Bahia será lançado na UESC
   4/3/2017 - Pesquisa avalia perfil dos visitantes de Porto Seguro
   1/3/2017 - Chineses investidores na Ferrovia e no Porto Sul são recebidos por Marão
   1/3/2017 - Operação Até Breve convida turistas para o São João da Bahia
   28/2/2017 - Rui quer chineses especialistas em infraestrutura mas mão-de-obra baiana
   23/2/2017 - T. de Freitas, cidade baiana com maior taxa de sobrevivência de pequena empresa
   22/2/2017 - Maior devedor trabalhista da Bahia e 3º do País, Ilhéus vai rever precatórios



© Jornal Bahia Online | Todos os direitos reservados.   Layout