Ilhéus
Centro Pop realiza oficinas para socializar moradores de rua
Centro Pop realiza oficinas

Crédito: Secom/Victor Kruschewsky

O Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop), vinculado à secretaria de Desenvolvimento Social de Ilhéus, está realizando oficinas para socialização dos usuários. Nesta terça-feira, 07, foi iniciada a primeira aula da oficina de capoeira, que levou muita alegria e entretenimento aos assistidos.

A secretária Soane Galvão ressalta que o Desenvolvimento Social está trabalhando no sentido de humanizar cada vez mais os serviços existentes, de forma diferenciada. “As oficinas são uma forma de reinserir essas pessoas no mercado de trabalho, onde elas possam ser bem cuidadas e valorizadas, saindo da condição sub-humana de não ter uma assistência social digna de convivência em sociedade”.

O Centro Pop, que funciona de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas, realiza, em média, de 20 atendimentos diários, e oferece aos usuários café da manhã, almoço e lanche da tarde. Daniella Hoisel, coordenadora geral do Centro Pop, relata que inicialmente serão realizadas oficinas de leitura, artesanato e capoeira, todas com professores voluntários. “Nosso objetivo é manter os usuários ocupados durante o período que eles passam aqui e, ao mesmo tempo, trabalhar a socialização, a convivência entre eles e sociedade”.

O Centro de Referência faz parte da rede de proteção do município e tem como objetivo formalizar o encaminhamento desse público aos órgãos e entidades que compõem esse círculo, e proporcionar a regularização de documentos, ações de saúde, emprego, educação, entre outros.

O Mestre Jenilson Negão, presidente do Conselho de Mestres de Capoeira de Ilhéus e integrante do grupo de Capoeira Camarada Camaradinha, é um dos voluntários do projeto e diz como é importante a participação da comunidade nos projetos sociais da cidade.

"A ação é uma forma de valorizar essas pessoas que necessitam de uma atenção especial, fortalecendo os valores de convívio e dando oportunidade para quem necessita. Participar desses projetos é uma forma de demonstrar amor e solidariedade ao próximo”, acrescentou o Mestre Jenilson Negão.

Voluntariado – As oficinas estão sendo realizadas em parceria com a organização não governamental Amparo Melhor. Pessoas interessadas em participar do projeto de voluntariado devem entrar em contato com a coordenação do Centro Pop, através do telefone (73) 9114-3720.


Centro Pop realiza oficinas

Crédito: Secom/Victor Kruschewsky

 
Mais Notícias
   26/6/2017 - Nos 483 anos, anunciadas inaugurações e autorização de obras
   26/6/2017 - Governador receberá Comenda da Ordem do Mérito São Jorge dos Ilhéus
   26/6/2017 - Saúde intensifica ações para o controle da dengue
   23/6/2017 - 14 bandas e 14 horas de show comemoram o aniversário da cidade
   23/6/2017 - Motociclistas autuados vão doar sangue para Santa Casa
   23/6/2017 - Salários do servidor antecipados para dia 27
   23/6/2017 - Crie já funciona em um local mais amplo e confortável
   23/6/2017 - Festa junina dos Cras e Creas fortalece vínculos familiares e comunitários
   23/6/2017 - Nova campanha da prefeitura estimula a cultura da paz
   20/6/2017 - Prefeito visita feira agrícola e festejos de São João com estudantes do interior
   20/6/2017 - Pesquisa de estudante da FMT detecta focos do agente causador da criptococcose
   17/6/2017 - Ladeira do Gringo será retomada no início da semana
   15/6/2017 - Implantação da Estrada do Cacau e do Chocolate volta à pauta de discussões
   15/6/2017 - Alunos da escola nucleada de Aritaguá realizam feira agrícola na vila São José
   15/6/2017 - Neste fim de semana tem mais forró no cenário bucólico da Estação Rio do Braço
   15/6/2017 - Saúde capacita equipes de endemias para combater a dengue
   15/6/2017 - Campanha do Agasalho estimula a solidariedade
   15/6/2017 - Prefeito visita Residenciais Vilela e Cachoeira
   14/6/2017 - Saúde normatiza ações e anuncia avanços que melhorarão os serviços à população
   13/6/2017 - Semente de Cidadania promove qualidade de vida para pessoas com deficiência



© Jornal Bahia Online | Todos os direitos reservados.   Layout