Ilhéus
Centro Pop realiza oficinas para socializar moradores de rua
Centro Pop realiza oficinas

Crédito: Secom/Victor Kruschewsky

O Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop), vinculado à secretaria de Desenvolvimento Social de Ilhéus, está realizando oficinas para socialização dos usuários. Nesta terça-feira, 07, foi iniciada a primeira aula da oficina de capoeira, que levou muita alegria e entretenimento aos assistidos.

A secretária Soane Galvão ressalta que o Desenvolvimento Social está trabalhando no sentido de humanizar cada vez mais os serviços existentes, de forma diferenciada. “As oficinas são uma forma de reinserir essas pessoas no mercado de trabalho, onde elas possam ser bem cuidadas e valorizadas, saindo da condição sub-humana de não ter uma assistência social digna de convivência em sociedade”.

O Centro Pop, que funciona de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas, realiza, em média, de 20 atendimentos diários, e oferece aos usuários café da manhã, almoço e lanche da tarde. Daniella Hoisel, coordenadora geral do Centro Pop, relata que inicialmente serão realizadas oficinas de leitura, artesanato e capoeira, todas com professores voluntários. “Nosso objetivo é manter os usuários ocupados durante o período que eles passam aqui e, ao mesmo tempo, trabalhar a socialização, a convivência entre eles e sociedade”.

O Centro de Referência faz parte da rede de proteção do município e tem como objetivo formalizar o encaminhamento desse público aos órgãos e entidades que compõem esse círculo, e proporcionar a regularização de documentos, ações de saúde, emprego, educação, entre outros.

O Mestre Jenilson Negão, presidente do Conselho de Mestres de Capoeira de Ilhéus e integrante do grupo de Capoeira Camarada Camaradinha, é um dos voluntários do projeto e diz como é importante a participação da comunidade nos projetos sociais da cidade.

"A ação é uma forma de valorizar essas pessoas que necessitam de uma atenção especial, fortalecendo os valores de convívio e dando oportunidade para quem necessita. Participar desses projetos é uma forma de demonstrar amor e solidariedade ao próximo”, acrescentou o Mestre Jenilson Negão.

Voluntariado – As oficinas estão sendo realizadas em parceria com a organização não governamental Amparo Melhor. Pessoas interessadas em participar do projeto de voluntariado devem entrar em contato com a coordenação do Centro Pop, através do telefone (73) 9114-3720.


Centro Pop realiza oficinas

Crédito: Secom/Victor Kruschewsky

 
Mais Notícias
   18/1/2018 - Lavagem da escadaria da Catedral reúne nativos e turistas em cortejo de fé
   18/1/2018 - Pawlo Cidade é o novo secretário de Cultura
   18/1/2018 - Secult promove oficinas de Iluminação Cênica e projetos culturais
   17/1/2018 - Governador vistoria obras da nova ponte
   17/1/2018 - 281 cirurgias já foram realizadas no novo hospital
   17/1/2018 - Sesau divulga postos de vacinação contra a febre amarela
   17/1/2018 - Beneficiários do Bolsa Família são convocados para atualizar informações
   16/1/2018 - Lavagem da Escadaria da Catedral acontece nesta quinta
   16/1/2018 - Saúde, lazer e esporte agitam a Avenida Soares Lopes nos domingos de verão
   16/1/2018 - SDS implanta CRAS Volante para atender interior
   16/1/2018 - Cidade vacina contra a febre amarela
   16/1/2018 - Novos semáforos já estão em funcionamento
   16/1/2018 - Três transatlânticos movimentam a cidade esta semana
   16/1/2018 - SAMU já atende com quatro ambulâncias
   13/1/2018 - Assistência Social realiza I Seminário para Planejamento de Ações em 2018
   13/1/2018 - Instalado Posto Avançado de Segurança na Zona Sul
   12/1/2018 - Cadastramento biométrico entra em fase final
   9/1/2018 - Novo semáforo da Lomanto Júnior deve ficar pronto nesta quarta
   9/1/2018 - Rui autoriza concursos para universidades estaduais
   9/1/2018 - 23 mil turistas chegarão a Ilhéus, este mês, pelo Porto de Malhado



© Jornal Bahia Online | Todos os direitos reservados.   Layout